Ten Count – Review

Ten Count é um manga do gênero drama e yaoi que já possui 7 volumes e que ainda está em andamento. A autora deste manga é Takarai Rihito, que iniciou sua carreira como ilustradora do famoso manga Seven Days, e que atualmente mesmo possuindo poucas obras tem grande popularidade no Japão.

O manga inicia quando Kurose acaba envolvido em um acidente, onde salva o presidente da empresa onde Shirotani trabalha. Como agradecimento Shirotani vai atrás de Kurose, a mando do presidente, para ver se há algo que possam fazer para agradece-lo. Em poucos instantes de conversa Kurose pergunta a Shirotani se ele é misofóbico (medo mórbido de sujeira, imundícies ou de contaminação) e lhe aconselha a procurar um tratamento, mas Shirotani irritado diz que não precisa de nenhum tipo de ajuda e se despede. Após este primeiro contato conturbado os dois acabam se encontrando novamente, e assim começa a história destes destes personagens.

A primeira coisa que tenho pra falar deste manga é que o traço dele é lindo, muito lindo. É suave, delicado e cheio de detalhes, como as expressões dos rostos dos personagens ao longo dos capítulos.
A autora sabe escrever maravilhosamente bem, e também acho que se destaca por abordar um tema sério e pouco explorado como a misofobia. Ela escreve de uma maneira muito fluida e envolvente deixando os leitores totalmente presos a história dos protagonistas.

Outro ponto positivo é que a autora primeiro desenvolve os personagens e a trama, para então gerar o envolvimento deles, o que é muito bom. Porque o que mais se encontra, ainda mais no gênero yaoi, são histórias sem contexto nenhum onde os personagens sempre partem direto para o sexo.

Para quem gosta de yaoi Ten Count é um manga que precisa entrar na sua lista de leitura. Porque é lindo, com uma ótima trama e com personagens que vocês vão passar a amar após o primeiro capítulo =)

Não esqueçam de curtir a pagina do Akiba’Spot no Facebook .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.