BlazBlue Cross Tag Battle – Review

Um game de luta para fãs de BlazBlue, Persona 4 Arena, Under Night In-Birth e RWBY. Só isso, e nada mais.

BlazBlue Cross Tag Battle é um jogo de luta 2d que coloca frente a frente personagens das franquias BlazBlue, Persona 4 Arena, Under Night In-Birth e RWBY. Enquanto isso pode soar extremamente excitante para fãs destas series, pode ser uma escolha arriscada para jogadores hardcore.

Não que BlazBlue Cross Tag Battle seja um jogo ruim. Ele até entrega aquilo que se propõe de uma forma relativamente competente. Mas há alguns contras que talvez não justifiquem o preço atual, principalmente considerando outra opções de mercado.

Um dos pontos positivos de BlazBlue Cross Tag Battle é a grande quantidade de modos e opções in game. Além dos clássicos arcade, treinamento, multiplayer local e online, galerias, etc. Ainda há um modo história com uma premissa interessante.

Assim como em outros games da serie BlazBlue, o modo história segue uma lógica de Visual Novel. O interessante é que cada franquia tem uma rota própria, e é aí que o game começa a pecar. A exceção do próprio BlazBlue, todas as outras franquias possuem apenas UMA rota. E a história em si não ajuda muito.

No game, os personagens são transportados de seus respectivos mundos para um universo desconhecido, sem qualquer informação do que aconteceu e do que devem fazer para retornar a suas casas. Mesmo assim não hesitam em sair na porrada. E entre socos e chutes descobrem quem é o culpado daquilo tudo e vão atrás da solução.

E é isso. Não há muita variação de script nas rotas, nem viradas no roteiro empolgantes. Mas tudo bem, em essência jogos de luta são feitos de… Luta. E mais uma vez BlazBlue Cross Tag Battle nos entrega um pacote de prós e contras, a começar pela jogabilidade.

Enquanto podemos afirmar que se trata de um game fluido, sem framerate drops e um online incrivelmente estável, a jogabilidade pode agradar jogadores casuais, mas deixar players mais experientes um pouco frustrados. Isso por que os comandos vão além do intuitivo, e são super simplificados. Especiais são acionados facilmente e combos não demandam muito esforço. Sendo assim, o tempo de ação é que se torna determinante durante as partidas.

Em termos gráficos e de trilha sonora não há o que criticar. BlazBlue Cross Tag Battle entrega um jogo belíssimo com música e ambientação perfeitas. Tudo muito bem implementado e garantindo uma performance sólida e fluida.

Pontos positivos
  • Trilha Sonora
  • Apresentação Visual
  • Combate Fluído
  • Quantidade de Modos
Pontos Negativos
  • Modo História Raso
  • Comandos simplificados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

WordPress Lightbox Plugin
Pular para a barra de ferramentas